Opinião | Omar Aziz é o pior senador do Amazonas na avaliação do Ranking dos Políticos

Opinião | Omar Aziz é o pior senador do Amazonas na avaliação do Ranking dos Políticos

Opinião | Omar Aziz é o pior senador do Amazonas na avaliação do Ranking dos Políticos

Deputado Sidney Leite é o último colocado entre todos os parlamentares do Estado

Vereadores de Manaus aprovam aumento de 83% no Cotão para 2022

Benefício subirá de R$ 18 mil para cerca de R$ 33 mil

Assembleia Legislativa aprova Orçamento de R$ 24 bilhões do Estado para próximo ano

Roberto Cidade (PV) destaca avanços em seu primeiro ano de gestão como presidente da Aleam

Chico Preto se filia ao Avante e nas entrelinhas pede de David para disputar o Senado

Prefeito de Manaus prestigia o evento e afirma que o partido será protagonista no próximo pleito

Omar em baixa

Após o Direto ao Ponto Pesquisas mostrar que 52,4% dos manauaras desaprovou a atuação do senador Omar Aziz (PSD-AM) na presidência da CPI da Covid, o Ranking dos Políticos – plataforma que avalia o desempenho dos senadores e deputados federais do País — deu ao parlamentar o desagradável título de pior senador do Amazonas em 2021.

Anúncios

O cenário prova que Omar, ao contrário da narrativa que tenta empreender, não teve tantos benefícios assim ao presidir a CPI da Covid.

Ele, é verdade, se aproximou de nomes de peso da esquerda brasileira, como ex-presidente Lula (PT), ganhou status de político conhecido no Brasil inteiro e viu suas redes sociais bombarem de seguidores. Nada disso, no entanto, é sinônimo e garantia de sucesso nas urnas.

Os números

Segundo o Ranking dos Políticos, Omar somou 6,07 pontos numa escala de 0 a 10. O senador mais bem avaliado, por exemplo, foi Eduardo Girão (Podemos-CE), que alcançou a marca de 9,48 pontos.

Girão também foi integrante da CPI da Covid, mas ao contrário de Omar, cobrou explicações acerca da destinação dos recursos enviados aos estados e não embarcou na estratégia de culpar exclusivamente o Governo Federal pelas mortes por coronavírus no Brasil.

Na lanterna

Pior que o Omar, apenas o seu braço direito e correligionário, deputado federal Sidney Leite (PSD). O parlamentar somou míseros 4,97 pontos.

A pesquisa destacou que Leite economizou apenas 12% dos privilégios financeiros que os deputados têm à disposição, custando aos cofres públicos, neste ano, R$1.630.656,94.

Aumento significativo

Por falar em privilégios, a Câmara Municipal de Manaus (CMM), que sob comando do vereador David Reis (Avante) acumulou polêmicas ao longo de 2021, finalizou o ano na mesma batida.

Na última sessão plenária antes do recesso, os vereadores aprovaram um aumento de 83,3% no valor da Cota para o Exercício de Atividade Parlamentar (CEAP), conhecido popularmente como Cotão, utilizada para bancar, por exemplo, o aluguel de veículos e compra de combustível.

O Cotão que era de R$ 18 mil passará a ser de R$ 33 mil a partir de 2022.

Orçamento aprovado

Em uma votação relativamente harmônica, os deputados estaduais aprovaram ontem (16), o orçamento do Estado do Amazonas para o exercício de 2022.

O Projeto de Lei Orçamentária Anual de 2022, deliberado pelos parlamentares, prevê a receita líquida de R$ 24.006.026.000,00 para o próximo ano.

Emendas

Ao todo, os deputados apresentaram 838 emendas parlamentares impositivas individuais. Cada parlamentar dispôs de R$ 8.539.850,00 para este fim.

Novidade deste ano, as chamadas emendas de bancada ou emendas coletivas, deram aos deputados mais R$ 5.693.233,33 para destinação no orçamento do Estado.

Com a soma das duas emendas, cada deputado estadual teve a prerrogativa de destinar R$ 14.233.083,33 no orçamento, sendo 50% obrigatoriamente para o setor de saúde e o restante livre.

Balanço positivo

Em discurso de encerramento dos trabalhos legislativos, o presidente da Aleam, deputado Roberto Cidade (PV), destacou que o parlamento estadual teve avanços em seu primeiro ano de gestão.

O parlamentar lembrou a realização do 1º Fórum Estadual das Casas Legislativas (Feclam), evento que reuniu vereadores e prefeitos da capital e interior numa troca de experiências, e frisou também as aprovações da nova Lei do Gás, dos Auxílios Estaduais e a autorização para o armamento das guardas municipais.

Reajuste

Cidade ressaltou, ainda, que conseguiu ajustar as contas da Assembleia e mesmo em meio a um período de recuperação econômica, conseguiu conceder um reajuste de 38% nos salários dos servidores efetivos.

“É uma vitória de todos os deputados, não é só minha”, destacou.

Nova casa

O ex-vereador e ex-prefeiturável, Chico Preto, se filiou ao Avante em evento realizado ontem (16), na Assembleia Legislativa.

Ele volta a fazer parte do mesmo time que David Almeida, de quem foi vice na disputa pelo Governo do Amazonas em 2018.

Aceno

Em seu discurso, Chico falou sobre a libertação que o Amazonas precisa ter, fez analogia com a história bíblica de Israel e, nas entrelinhas, acenou a David – que é presidente estadual do Avante – seu desejo de ser candidato a senador da República no pleito do ano que vem.

“Hoje, ao ingressar nas fileiras do Avante, me considero como Calebe. E digo a você David: me dê a missão de enfrentar os gigantes. Pois nossa missão nesta terra só estará completa se a libertação for por inteiro. Escolho hoje novamente seguir com o Amazonas por bons caminhos. Sem olhar pra trás, mas determinado em seguir Avante”, disse.

Protagonismo

Sem confirmar nem negar as pretensões de Chico, David ressaltou que o Avante será protagonista nas eleições de 2022 e lembrou que ele é o partido que teve o maior número de votos na cidade de Manaus, fazendo a maior bancada da Câmara Municipal e elegendo o prefeito.

“Nós queremos ser a maior bancada de deputado federal e a maior bancada de deputado estadual. Se com as condições que nós tínhamos conseguimos montar um time fortíssimo, com a estrutura e experiência de que temos agora certamente o Avante se tornará o maior partido do Amazonas”, afirmou.

Mais filiações

O prefeito revelou, ainda, que outros nomes conhecidos da política local devem se juntar ao time de filiados do Avante.

“O Chico vem acrescentar o Avante e outros também virão. A partir de janeiro toda semana faremos filiações no Avante de políticos com e sem mandato”, disse.

 

Siga a Direto ao Ponto:

Facebook: facebook.com/diretoaopontonews1

Instagram: @diretoaopontonews

Twitter: @diretoaoponto1_

Fale com a gente:

Rebeca a coluna no seu WhatsApp: 92 98422-0558

Redação: 92 99189-4271

Editor-chefe: 92 99109-1099

Deixe um comentário