Você está visualizando atualmente Opinião | Capitão Alberto Neto, Bolsonaro e Valdemar se reúnem com lideranças da direita do Amazonas

Opinião | Capitão Alberto Neto, Bolsonaro e Valdemar se reúnem com lideranças da direita do Amazonas

Opinião | Capitão Alberto Neto, Bolsonaro e Valdemar se reúnem com lideranças da direita do Amazonas

“O PL vem forte! 2024 é bem aí!”, afirma presidente do PL Manaus

Coronel Menezes bate-boca com seguidores que o confrontam: “Bolsonaro não é sua propriedade”

Presidentes do Republicanos, PP, Patriota e Novo desmentem Menezes e afirmam que ele pode encontrar espaço para uma candidatura a vereador

“Um projeto de importância nacional”, diz Wilson Lima sobre BR-319 em primeira reunião do Grupo de Trabalho para viabilizar rodovia

“Estamos trabalhando para assegurar que o governo federal repasse os recursos necessários para acelerar a obra”, afirma Fausto Santos Jr.

David Almeida articula 4,4 mil moradias do Minha Casa, Minha Vida e R$ 30 milhões para infraestrutura

Senadores Eduardo Braga e Omar Aziz ajudaram prefeito de Manaus na interlocução com o governo federal

Senado aprova PEC que limita poderes do STF

Foram 52 votos a favor, e 18 votos contra

Plínio Valério votou a favor. Já Braga e Omar faltaram à votação

Reunião da Direita

Nesta quarta-feira (22), o deputado federal Capitão Alberto Neto, esteve reunido com o ex-presidente e presidente de honra do Partido Liberal, Jair Bolsonaro, o presidente do PL Nacional, Valdemar Costa Neto, e lideranças políticas da direita do Amazonas, na sede do partido em Brasília.

No encontro foi tratado sobre as estratégias para a eleição do ano que vem para a prefeitura de Manaus e Câmara de Vereadores.

“2024 é bem aí”

Em suas redes sociais, o deputado federal Capitão Alberto Neto, presidente do PL Manaus, registrou o encontro e reafirmou a importância da união da direita no Amazonas, do apoio ao ex-presidente Bolsonaro e da continuidade do trabalho realizado nos últimos anos em prol da defesa de quatro valores fundamentais: “Deus, pátria, família e liberdade”.

“O PL vem forte! 2024 está logo ali!”, afirmou o bolsonarista.

Futuro

Em um vídeo gravado para os amazonenses, Bolsonaro falou sobre a perspectiva de futuro e próximas eleições.

E que o PL vai disputar o pleito de 2024 buscando o fortalecimento do partido para 2026 para dar continuidade ao projeto partidário de mudar o Brasil e a vida dos brasileiros.

Barrado no baile

Sem ser convidado para o encontro com Bolsonaro e líderes da direita e do PL, Coronel Menezes, expulso do partido, passou o dia criticando e discutindo com seus seguidores, que o questionaram sobre sua conduta e confrontaram, afirmando que “Bolsonaro não é propriedade de Menezes.”

“Menezes, fala de proposta para Manaus, amigo, está pior que o Leão Lobo falando mal dos outros”, disse um internauta.

“Quero ver quando você marcar um encontro quem vai, porque apoio do presidente você não tem mais”, afirmou outra seguidora.

Portas fechadas

Ainda em relação ao Coronel Menezes, o Direto ao Ponto conversou com os presidentes estaduais de quatro partidos no Amazonas – Republicanos, PP, Patriota e Novo -, a respeito das alegações do militar de que estaria em negociações ou teria sido convidado para ser candidato a prefeito.

Todos negaram e desmentiram as afirmações feitas por Menezes.

Portas abertas

Entretendo, questionados sobre a possibilidade de filiação de Menezes para ser candidato a vereador, todos disseram que é uma possibilidade a ser considerada.

Republicanos

O presidente estadual do Republicanos no Amazonas, deputado federal Silas Câmara, foi direto ao ponto sobre o assunto:

“Por enquanto, não tenho conversado com nenhum político sobre eleições municipais.”

Progressistas

O presidente do Detran-AM e do PP no Amazonas, delegado Rodrigo Sá, afirmou que nunca discutiu a possibilidade de Menezes concorrer à prefeitura de Manaus e que, até o momento, não recebeu nenhuma orientação nesse sentido por parte do governador Wilson Lima.

No entanto, Sá destacou que Menezes seria um nome bastante forte para vereador, e que não haveria nenhum problema em filiar o militar para disputar uma vaga no parlamento municipal.

Patriotas

Já o presidente do Patriotas no Amazonas e líder do governo Wilson Lima na Assembleia Legislativa, deputado Felipe Souza, declarou ao Direto ao Ponto que “nunca houve conversa sobre esse assunto [prefeitura de Manaus] com Menezes”.

Ele acrescentou que, caso Menezes tenha interesse em concorrer como vereador pelo partido, estariam abertos para conversar sobre essa possibilidade.

Novo

A presidente do partido Novo Amazonas, Maria do Carmo Seffair, também afirmou que nunca existiu convite ou conversa para Menezes disputar a prefeitura de Manaus pelo Novo.

Apenas um convite para uma possível filiação.

Luz no fim do túnel

Diante das negativas e desmentidos dos presidentes estaduais dos partidos Republicanos, PP, Patriota e Novo em relação às afirmações do Coronel Menezes sobre uma possível candidatura à prefeitura de Manaus, fica evidente um cenário de portas fechadas para tal pretensão.

No entanto, uma luz se apresenta na forma da possibilidade de filiação para concorrer a uma vaga de vereador em 2024.

BR-319

O governador Wilson Lima destacou, nesta quarta-feira (22), que a BR-319 deve ser entendida como um projeto do Brasil, não de um estado, e solicitou ao Ministério dos Transportes a identificação das competências de todos os envolvidos na questão da rodovia federal que liga Manaus ao restante do país, e também um cronograma para a execução da obra do chamado trecho do meio.

GT

Os pedidos foram feitos durante a primeira reunião, em Brasília, do recém criado Grupo de Trabalho do Ministério dos Transportes para apresentar soluções para a rodovia.

Outras duas reuniões estão previstas, segundo o ministro Renan filho, incluindo visita à rodovia.

Segundo Wilson Lima, esse passo é importante, mas é preciso avançar e apresentar medidas concretas.

Recursos

O presidente da Frente Parlamentar em Defesa da BR-319, deputado federal Fausto Santos Jr., destacou a importância do governador Wilson Lima na articulação junto à bancada federal do Amazonas para superar obstáculos nas obras de asfaltamento da BR-319.

Fausto reiterou que, além de buscar um cronograma claro de ações, ele está trabalhando para assegurar que o governo federal repasse os recursos necessários para acelerar a obra.

Missão

O GT da BR-319, tem a missão de apresentar propostas e soluções com diálogo e colaboração, após identificar os principais problemas da rodovia.

A BR-319 tem cerca de 918 quilômetros de extensão e faz a ligação entre as capitais Manaus e Porto Velho (RO) e outras regiões do Brasil.

Porém, boa parte dela, em especial do trecho do meio, não é pavimentada e fica grade parte do ano, no período das chuvas, praticamente intrafegável.

Recursos para Manaus

Ontem (22), o prefeito de Manaus, David Almeida, participou em Brasília da cerimônia de lançamento da primeira seleção de propostas do novo programa Minha Casa, Minha Vida, do governo federal.

Manaus, foi contemplada com cerca de 4,4 mil moradias.

David ainda se reuniu com o ministro do Desenvolvimento Regional, Waldez Góes, que confirmou o empenho de R$ 30 milhões para investimentos nos igarapés de Manaus.

Reconhecimento

Em suas redes sociais, o prefeito David Almeida reconheceu o empenho dos senadores Eduardo Braga e Omar Aziz para ajudar Manaus na interlocução com o governo federal.

Limite no STF

O plenário do Senado Federal aprovou, nesta quarta-feira (22), em segundo turno, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que limita poderes do Supremo Tribunal Federal (STF).

Placar

O placar foi de 52 votos a 18. Eram necessários 49 votos favoráveis. Com a aprovação, agora o texto segue para a Câmara, onde também precisa ser votado em dois turnos.

Projeto

O texto proíbe decisões individuais de ministros que suspendam a eficácia de leis ou atos dos presidentes da República, da Câmara, do Senado e do Congresso.

Bancada do Amazonas

Dos três senadores do Amazonas, Plínio Valério foi o único que votou a favor da proposta. 

Eduardo Braga e Omar Aziz faltaram a votação.

Grande dia

Em suas redes sociais, Plínio Valério disse que com a aprovação da PEC, o Senado coloca limites para decisões monocráticas em todos os tribunais superiores e não só no STF. E que esse foi um primeiro passo para acabar com ministros super poderosos do STF ou tribunais superiores que em uma canetada derrubam decisões legítimas de 513 deputados e 81 senadores.

“Um dia histórico para o Senado, com apoio de senadores da base e oposição. Próximo passo será derrubar o veto ao Marco temporal.”

Siga a Direto ao Ponto:

Facebook: facebook.com/diretoaopontonews1

Instagram: @diretoaopontonews

Twitter: @diretoaoponto1_

Fale com a gente:

Receba a coluna no seu WhatsApp: 92 98422-0558

Redação: 92 99189-4271

Editor-chefe: 92 99109-1099

Deixe um comentário