Você está visualizando atualmente Opinião | Salvo pelo gongo: Silas Câmara escapa de ser cassado e preso pelo Supremo Tribunal Federal

Opinião | Salvo pelo gongo: Silas Câmara escapa de ser cassado e preso pelo Supremo Tribunal Federal

Opinião | Salvo pelo gongo: Silas Câmara escapa de ser cassado e preso pelo Supremo Tribunal Federal

Ministro Barroso homologa acordo para Silas Câmara pagar R$ 242 mil por rachadinha

Manobra recebeu ajuda do ministro André Mendonça

Plínio Valério se antecipa e já inicia conversas pensando em 2024

Senador reuniu nesta semana com Amom Mandel e Capitão Alberto Neto

Capitão Alberto Neto é eleito melhor deputado federal pelo AM

Wilson Lima visita obras do hospital regional de Manacapuru e diz que ‘sonho está chegando’

David Almeida assina novas nomeações de aprovados no concurso da Semsa

Pesquisa da Action aponta que 69,5% dos manauaras acreditam no hexa da Seleção Brasileira

Salvo pelo gongo

A expressão “salvo pelo gongo”, utilizada quando algo de negativo está prestes a acontecer, mas, repentinamente, a situação consegue ser evitada, exemplifica perfeitamente a situação vivida pelo deputado federal Silas Câmara (Republicanos-AM).

Acordo com STF

Ontem (1), o ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), homologou um acordo firmado entre a Procuradoria-Geral da República (PGR) e o deputado federal Silas Câmara (Republicanos-AM), réu em ação penal pela chamada “rachadinha”.

PIX

No acordo, o parlamentar se comprometeu ao pagamento de multa de R$ 242 mil em até 30 dias.

Barroso havia votado pela condenação no crime de peculato a uma pena de 5 anos e 3 meses de prisão, mas o julgamento foi interrompido por pedido de vista conjunto dos ministros André Mendonça e Dias Toffoli.

Prescrição

Na ocasião, o ministro Barroso ressaltou que, considerando a pena proposta, a prescrição ocorreria a partir de 2 de dezembro de 2022.

O ministro afirmou, ainda, que entende não ser cabível acordo nesses moldes após o recebimento da denúncia, mas que, a um dia da prescrição, “o acordo se apresenta como a via mais adequada para minimizar os prejuízos ao erário”.

Relembrando

Segundo a denúncia feita pelo Ministério Público Federal ao Supremo, Silas teria, com o auxílio de seu ex-secretário parlamentar, desviado, em proveito próprio, parte dos recursos públicos destinados à contratação de 18 assessores parlamentares, no período de janeiro de 2000 a dezembro de 2001.

O caso corre no STF desde 2013. No início de novembro, em seu voto, o relator, ministro Luís Roberto Barroso, fixou pena de cinco anos e três meses de reclusão e 123 dias-multa, a ser cumprida inicialmente no regime semiaberto.

Na sessão do dia 10, Barroso foi seguido pelos ministros Edson Fachin, Alexandre de Moraes, Cármen Lúcia e Rosa Weber.
No entanto, André Mendonça pediu vistas e o processo saiu da pauta.

Amizade

Silas e Mendonça têm um histórico de amizade, já que ambos são pastores evangélicos.

Em um culto, o ministro do STF agradeceu ao deputado e pastor pelo apoio, quando foi indicado pelo presidente Jair Bolsonaro (PL) a uma vaga no Supremo.

“O pastor e deputado federal Silas Câmara foi um ombro amigo que Deus enviou através de vocês para que eu pudesse chegar aonde eu cheguei. Então meu muito obrigado, deputado pastor Silas Câmara”, disse o ministro André Mendonça em um vídeo à época.

Pensando em 2024

Após assumir o comando do PSDB no Amazonas, há duas semanas, o senador Plínio Valério deu início às conversas planejando as eleições municipais de 2024.

O parlamentar, vale lembrar, afirmou com exclusividade ao Direto ao Ponto que o PSDB terá candidatura própria à Prefeitura de Manaus.

Reuniões

Plínio se reuniu na quarta-feira (30), com o vereador de Manaus e deputado federal eleito, Amom Mandel — que é do Cidadania— partido federado ao PSDB.

Os políticos se encontraram no gabinete do tucano em Brasília e entre os vários assuntos, estava na pauta a eleição municipal.

Amom, vale lembrar, já externou desejo de disputar a Prefeitura de Manaus daqui a dois anos.

Aceno aos bolsonaristas

Plínio também se reuniu ontem com o deputado federal reeleito, Capitão Alberto Neto (PL).

O encontro foi registrado no Twitter do tucano que revelou estar conversando sobre o “novo desenho da política regional e as eleições municipais”.

Alberto Neto, vale lembrar, é um dos interlocutores de Bolsonaro no Estado e goza da simpatia do público de direita, sobretudo da capital, onde o bolsonarismo é forte.

A aproximação entre eles é um aceno aos bolsonaristas, algo que Plínio vem fazendo desde a campanha quando pediu votos para Jair Bolsonaro e segue sendo uma das poucas vozes combativas no Senado.

O melhor

Falando em Capitão Alberto Neto, ele recebeu do Instituto Ranking dos Políticos o prêmio de melhor parlamentar federal do Amazonas de 2019-2022.

A informação foi compartilhada pelo deputado nas redes sociais.

“Recebi o prêmio de melhor parlamentar do Amazonas neste mandato 2019/2022.

Agradeço ao Instituto Ranking dos Políticos por esta premiação. É apenas o reconhecimento de todo trabalho desenvolvido em prol do Amazonas e do Brasil durante meu primeiro mandato”, escreveu o deputado.

Sonho chegando

O governador Wilson Lima (União Brasil) vistoriou ontem (1º), o canteiro de obras onde está em construção o primeiro Hospital Regional de Manacapuru.

A unidade vai beneficiar mais de 219 mil pessoas e descentralizar o atendimento de média e alta complexidades, atualmente, concentrado em Manaus.

Localizado no bairro de Manacá, a nova unidade de saúde também será referência em atendimento para sete cidades: Anori, Anamã, Beruri, Caapiranga, Coari, Codajás e Novo Airão, incluindo a população ribeirinha.

“Esse é um sonho dessa região. Há muito tempo que se esperava uma unidade como essa e ela está chegando. As obras já estão a pleno vapor. A gente está na fase inicial e a nossa previsão de entrega é para o ano de 2024”, destacou.

Estrutura

A unidade de saúde contará com 122 leitos de enfermaria, 32 de UTI, 12 de apoio cirúrgico, cinco salas de cirurgia e mais três salas de partos, além de um parque de imagens moderno e completo. O projeto prevê, ainda, a construção de uma maternidade e de um pronto-socorro adulto e infantil.

O hospital está sendo implantado em um terreno de 13,5 mil metros quadrados e terá um total de 19,6 mil metros quadrados de área construída.

Nomeações

Falando em saúde, o prefeito de Manaus, David Almeida (Avante), assinou ontem (1º), novas nomeações de profissionais de nível médio e superior aprovados no concurso da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa).

As nomeações contemplam, em três decretos que ainda serão publicados no Diário Oficial do Município (DOM), 200 concursados para vagas oferecidas no último certame e, ainda, dois médicos especialistas para vagas oferecidas pelo edital 007/2012.

Além disso, o prefeito assinou a homologação do resultado final do edital 003/2021 do concurso, que ofereceu 55 vagas para os cargos de condutor de ambulância e condutor de motolância, ambos de nível médio.

Fé no hexa

Levantamento divulgada pela Action Pesquisa aponta que 69,5% dos manauaras acreditam que a Seleção Brasileira vai se tornar hexacampeã do mundo no Catar.

O estudo foi realizado na capital e entrevistou 1,2 mil pessoas nos dias 29 e 30 de novembro.

Do total, 44,7% dos entrevistados disse estar confiante no êxito dos comandados de Tite e 24,8% afirmaram estar totalmente confiantes.

Recorde de transações

As transações realizadas por Pix bateram um novo recorde na última quarta-feira (30). Na data, o Banco Central registrou quase 100 milhões de pagamentos realizados no mesmo dia por meio da ferramenta.

Em novembro, o sistema completou dois anos de lançamento e ganha cada vez mais espaço na vida dos brasileiros.

Em novembro de 2020, o Banco Central registrou quase 30 milhões de operações pela ferramenta, movimentando R$ 2,6 bilhões. Já no mês passado, cerca de 2 bilhões de transações foram realizadas por meio do Pix — outro recorde, de acordo com a instituição. A soma transferida ficou próxima de R$ 84 bilhões — a maior quantia mensal até o momento.

Siga a Direto ao Ponto:

Facebook: facebook.com/diretoaopontonews1

Instagram: @diretoaopontonews

Twitter: @diretoaoponto1_

Fale com a gente:

Receba a coluna no seu WhatsApp: 92 98422-0558

Redação: 92 99189-4271

Editor-chefe: 92 99109-1099

Deixe um comentário