Você está visualizando atualmente Opinião | Alberto Neto quebra acordo com Wilson Lima e está cada dia mais próximo de Omar Aziz

Opinião | Alberto Neto quebra acordo com Wilson Lima e está cada dia mais próximo de Omar Aziz

Opinião | Alberto Neto quebra acordo com Wilson Lima e está cada dia mais próximo de Omar Aziz

Wilson Lima e Valdemar Costa Neto conversam sobre as eleições de Manaus

Capitão Alberto Neto peita Wilson Lima e diz que mantém candidatura

Executiva Nacional do União Brasil define candidatura de Roberto Cidade como prioridade

Milei volta a chamar Lula de “corrupto” e “comunista”

Senador Omar Aziz sai em defende Lula e chama presidente argentino de “vagabundo”

Falsas Promessas

A 16 dias do início das convenções partidárias, as manobras políticas e os falsos compromissos começam a pipocar no cenário eleitoral de Manaus.

Muitas máscaras também começam a cair, e cúmplices que atuam nas sombras e nos bastidores começam a aparecer.

O jogo político é bruto e sujo, onde vale praticamente tudo, ao que parece.

Até o dia 6 de agosto, prazo final para a formação das chapas para a disputa pela prefeitura de Manaus, vamos ver muitos bois voando, grupos e alianças políticas se desfazendo e outras se formando.

Alguém duvida?

Conversa em Brasília

Ontem (3), tivemos um importante movimento político na disputa pela prefeitura de Manaus.

O governador Wilson Lima (União Brasil) reuniu-se em Brasília com Valdemar Costa Neto, presidente nacional do PL.

Pauta Central

A pauta central foi a eleição para a Prefeitura de Manaus e a tentativa do deputado federal Capitão Alberto Neto de descumprir um acordo previamente estabelecido entre os partidos, com o aval do ex-presidente Bolsonaro.

Esse acordo visava unificar as chapas de Roberto Cidade (União Brasil) e Alberto Neto (PL), com o cabeça de chapa sendo aquele melhor colocado nas intenções de voto.

Pesquisas

No entanto, as quatro últimas pesquisas eleitorais mostraram que Roberto Cidade ultrapassou Capitão Alberto Neto, consolidando-se na terceira posição. Inclusive, o PL Manaus, presidido por Alberto Neto, pagou R$ 40 mil para a Paraná Pesquisas divulgar um estudo, mas retirou o registro após a conclusão, pois os dados também apontavam Roberto Cidade à frente do candidato do PL.

Pernada

Em um movimento que causou desconforto na cúpula dos partidos, Alberto Neto encontrou-se com Maria do Carmo Seffair (Novo) na última segunda-feira (1), convidando-a para ser sua vice, desrespeitando o acordo feito com Valdemar Costa Neto, Alfredo Nascimento, Bolsonaro, Wilson Lima e Roberto Cidade.

Recusa

Maria do Carmo, inclusive, recusou o convite, e a relação entre Alberto Neto e Alfredo Nascimento, presidente estadual do PL Amazonas, e Wilson Lima, presidente do União Brasil, azedou.

Recado

Ontem (3), em suas redes sociais, Alberto Neto mandou um recado ao governador Wilson Lima reiterando que ele será candidato à prefeitura de Manaus, indicando que não irá cumprir o acordo feito com as lideranças estaduais do PL e do União Brasil.

Retorno às Origens

A nova mudança de lado de Capitão Alberto Neto, do grupo do governador Wilson Lima, para o retorno ao grupo do senador Omar Aziz, fica cada dia mais evidente.

Omar vem ajudando Alberto Neto na articulação, na comunicação e na interlocução com agentes políticos para garantir o apoio do PL a sua candidatura, e estrutura financeira e partidária para o parlamentar na disputa eleitoral deste ano.

Como fez em 2018, quando Capitão Alberto Neto foi eleito deputado federal pelo Republicanos pedindo votos para Omar Aziz, que disputou o governo do Amazonas. E poderá fazer novamente em 2026.

Exoneração

A reação que demonstra o real rompimento de Alberto Neto com o governador Wilson Lima já deve começar a aparecer no Diário Oficial nos próximos dias, com exonerações de indicados e apadrinhados do presidente do PL Manaus.

Desdobramentos

Os desdobramentos dessas escolhas e ações devem repercutir nas próximas semanas e dão o tom de como serão as definições de chapas, com prefeitos e seus respectivos vices.

Vai pegar fogo o cabaré.

Prioridade

O presidente nacional do União Brasil, Antonio Rueda, definiu as candidaturas prioritárias da legenda, incluindo a de Roberto Cidade para a Prefeitura de Manaus e mais 13 capitais.

Roberto Cidade, que é o pré-candidato que mais tem crescido nas pesquisas de intenção de voto em Manaus, já aparece na terceira colocação.

Ele está atrás do atual prefeito, David Almeida (Avante), e tecnicamente empatado em pesquisas espontâneas com o deputado federal Amom Mandel (Cidadania).

“Corrupto” e “Comunista”

O presidente da Argentina, Javier Milei (La Libertad Avanza, direita), em escalada de críticas, voltou a chamar o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) de “corrupto” e “comunista” nesta terça-feira (2).

Em publicação em seu perfil no X (antigo Twitter), Milei critica o petista e o acusa de “forte interferência” nas eleições argentinas.

CPAC

As críticas surgem pouco antes de uma viagem de Milei ao Brasil, onde participará no sábado (6) da CPAC (Conferência de Ação Política Conservadora), em Balneário Camboriú (SC). O ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) também irá discursar na convenção e, segundo seu filho, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PL-SP), irá se encontrar com Milei.

“Vagabundo”

O senador Omar Aziz (PSD), principal aliado de Lula do Amazonas, rebateu nesta quarta-feira (3) as críticas do presidente da Argentina, Javier Milei (La Libertad Avanza, direita), ao presidente petista.

Chamou o libertário de “bandido” e “vagabundo” durante sessão da CTFC (Comissão de Transparência, Governança, Fiscalização e Controle e Defesa do Consumidor), da qual é presidente.

Segundo o senador, a “Argentina tem um presidente vagabundo que, em vez de cuidar dos problemas da Argentina, quer se meter e atacar outro país”.

Facebook: facebook.com/diretoaopontonews1

Instagram: @diretoaoponto.am

TikTok: @diretoaoponto.am

Twitter: @diretoaoponto1_

Fale com a gente:

Receba a coluna no seu WhatsApp: 92 98422-0558

Redação: 92 98566-4150

Editor-chefe: 92 99109-1099

Deixe um comentário