You are currently viewing Opinião | Wilson Lima é lançado candidato à reeleição em evento com mais de 30 mil pessoas

Opinião | Wilson Lima é lançado candidato à reeleição em evento com mais de 30 mil pessoas

Opinião | Wilson Lima é lançado candidato à reeleição em evento com mais de 30 mil pessoas

Governador tem maior arco de aliança do pleito

‘Será a vitória do povo contra os poderosos’, diz governador

‘Vamos vencer a eleição e mudar a história política do Amazonas’, afirma David Almeida

Estreante, Tadeu de Souza diz que vai “unir a eficiência da Prefeitura de Manaus com o Governo do Estado”

União Brasil, Avante, PL, Progressistas, Republicanos, PSC, PRTB, Patriota, PMN e PTB apoiam reeleição do governador

42 prefeitos do interior declaram apoio a Wilson Lima

“A maior convenção de todos os tempos”, afirma Roberto Cidade

Menezes dá pernada em Chico Preto e é confirmado como candidato ao Senado

Wilson Lima ultrapassa Amazonino Mendes, aponta pesquisa

Arthur Neto lidera corrida para o Senado

Time definido

Recepcionado por uma multidão de mais de 30 mil pessoas, o governador do Amazonas, Wilson Lima, foi oficialmente confirmado como candidato à reeleição pelo União Brasil.

Anúncios

A convenção, realizada na noite de ontem (4), em uma casa de shows na Avenida das Torres, homologou, também, o nome de Tadeu de Souza (Avante) como vice na chapa.

Além do majoritário, os candidatos ao Senado, deputado federal e estadual do União Brasil e Avante foram oficializados.

No meio do povo

O governador chegou ao local carregado por apoiadores e literalmente andou no meio do povo, recebendo o carinho de quem esteve no local.

Virada de página

Em seu discurso, Wilson agradeceu aos familiares e destacou que sua reeleição representará a mudança da história política do Amazonas.

“Essa será a maior vitória do estado. É a vitória do trabalho, a vitória da esperança, a vitória da união, a vitória da justiça. A vitória, mais uma vez, do povo do Amazonas contra os poderosos do passado”, disse.

Foco no trabalho

Por diversas vezes, Wilson falou a palavra trabalho em seu discurso. E esse será seu slogan: “É Trabalho, trabalho, trabalho”.

É uma espécie de continuação do slogan institucional do governo que diz “o trabalho fala pela gente”.

Animação

Principal aliado de Wilson neste pleito, o prefeito de Manaus, David Almeida, estava animado na convenção.

Fez o “44” – número do União Brasil – com as mãos, abraçou os prefeitos do interior e reiterou que está junto com o governador.

“Vamos vencer a eleição e mudar a história política do Amazonas”, afirmou.

Zero 2

Estreante no processo eleitoral, o procurador de carreira e ex-secretário da Casa Civil, Tadeu de Souza, se mostrou à vontade ao lado de Wilson Lima.

O escolhido para vice pediu ao governador para ser o “zero dois” do governo.

“Peço permissão para ser o seu zero dois, governador, e ajudar a transformar o Amazonas em um lugar melhor”, disse enaltecendo que o seu papel é levar toda a experiência exitosa da gestão David Almeida para somar com o governo do Estado.

Pegaram falta

Sabá Reis do Avante e o vice-prefeito, Marcos Rotta, não estiveram no evento, e Shádia Fraxe (Avante), de maneira discreta, marcou presença.

Os três disputaram a vaga de vice com Tadeu de Souza, que levou a melhor e foi escalado para a chapa majoritária.

Ainda não se sabe se eles vão entrar na disputa eleitoral, mas a tendência é que Sabá seja candidato a deputado estadual, Rotta seja um dos coordenadores de campanha de Wilson e que Shádia retorne para o comando da pasta da Saúde.

Eles tem até essa sexta-feira (5) para decidir.

Arco de aliança

Além do Avante, o União Brasil confirmou em seu arco de aliança o PL, do presidente Jair Bolsonaro, o PP, do vice-prefeito de Manaus, Marcos Rotta, o Republicanos, partido que no Amazonas é ligado às igrejas Universal e Assembleia de Deus, o PSC, que é a antiga legenda de Wilson Lima, além de PRTB, Patriota, PMN e PTB.

Ao todo, são dez partidos que unidos darão ao governador um significativo tempo de TV e um robusto Fundo Eleitoral.

Máquinas unidas

Em paralelo a isso, o governador terá as três máquinas públicas ao seu lado, já que tem a Prefeitura e o Governo Federal.

E falando em Governo Federal, é muito provável que Jair Bolsonaro venha ao Amazonas durante a campanha e, claro, seu palanque será feito pelo governador do Estado, que reforçou durante o discurso a importância de Bolsonaro.

Força do interior

Wilson também terá o apoio de 42 dos 61 prefeitos do interior, o que lhe garante força nos municípios.

Junta-se a isso as diversas obras e o auxílio permanente, que tem ajudado a melhorar a vida da população interiorana.

Maior de todas

Entusiasmado e bastante prestigiado, o presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), deputado Roberto Cidade (União Brasil), afirmou que essa foi a maior convenção de todos os tempos.

Cidade destacou, também, que esse grupo político é formado por pessoas que pensam no próximo e que vão mudar a vida dos amazonenses.

“Esse grupo político é o que vai melhorar a vida dos amazonenses e vai fazer história”, afirmou.

Pernada

E o que já era esperado se tornou oficial: Coronel Menezes (PL) conseguiu dar uma pernada em Chico Preto (Avante) e acabou ficando com a vaga de Senado na chapa.

O ex-vereador de Manaus tentou até o último minuto emplacar seu nome, mas não conseguiu ser amparado por David Almeida para tal empreitada.

Chico, inclusive, sequer participou da convenção, e em suas redes sociais afirmou que iria refletir junto à família sobre seu futuro político e participação do pleito nesse ano.

Aceno

Já Menezes, que tem uma rixa pessoal com o David, acenou para o prefeito e falou que o momento requer união.

Ele foi o responsável por exaltar o nome de Jair Bolsonaro no evento.

Liderança

Falando em Wilson Lima, o governador já aparece na frente de Amazonino Mendes (Cidadania) na preferência do eleitorado amazonense.

Isso é o que mostra o levantamento feito pelo Iveritas Instituto de Pesquisa, entre os dias 22 e 26 de julho, que entrevistou 5,6 mil eleitores em 12 municípios do Estado.

O atual governador somou 33,3% na pesquisa estimulada – quando os nomes dos candidatos são informados ao eleitor – contra 30,8% do ex-governador Amazonino Mendes (Cidadania).

Outros números

Na sequência, aparece Eduardo Braga (MDB), com 16,7% da preferência do eleitorado.

Carol Braz (PDT) aparece com 3,7%, Ricardo Nicolau (SDD) tem 2,9%, Henrique Oliveira (Podemos) 2,8% e Marcelo Amil com 1,3%.

Outros 4,4% não sabem em quem votar e 4% pretendem votar nulo.

A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número AM-0897/2022.

Na ponta

Quem também figura muito bem junto ao eleitorado amazonense é o ex-senador e ex-prefeito de Manaus, Arthur Neto (PSDB).

Se o pleito fosse hoje, ele venceria com 23,9% dos votos, de acordo com o estudo do Iveritas.

Logo atrás aparem Omar Aziz (PSD) que somou 18,8% e Coronel Menezes com 11,3%.

 

Siga a Direto ao Ponto:

Facebook: facebook.com/diretoaopontonews1

Instagram: @diretoaopontonews

Twitter: @diretoaoponto1_

Fale com a gente:

Receba a coluna no seu WhatsApp: 92 98422-0558

Redação: 92 99189-4271

Editor-chefe: 92 99109-1099

Deixe um comentário