Amazonino prepara operação tapa-buracos

Amazonino prepara operação tapa-buracos

Amazonino está com tudo pronto para começar asfaltar os bairros de Manaus. Diz que vai investir 100 milhões independente da Prefeitura.

Fica claro que a investida do governador é eleitoral. Como Artur não é mais aliado, Amazonino vai tentar faturar sozinho.

Artur diz que tem cartas na manga pra dar o troco em Amazonino.

Começou a debandada

Aliados de Omar Aziz estão preocupados com a quantidade de prefeitos aliados que estão abandonando o barco para apoiar Amazonino.

Os prefeitos de Manacapuru Beto D’Ângelo e de Boa Vista do Ramos, Eraldo CB, já estão fechados com o Negão.

Voo às cegas

A Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE-AM) abre a semana discutindo um tema de grande importância para a cidade.

A mudança do Aeroclube de Manaus para uma área fora da zona urbana da capital. A primeira sugestão, do deputado Sinésio Campos (PT), autor da Audiência Pública que acontece a partir das 14h, é que o novo aeroclube seja sediado na cidade de Iranduba.

Novas sugestões serão apresentadas na Audiência.

Contra o Uber

Em vigor desde o último sábado (5), o aplicativo “Taxi Manaus”, de iniciativa da Prefeitura de Manaus e do Sindicato dos Taxistas, está oferecendo 30% de descontos na corrida.

A promoção vale até o dia 5 de maio. Ninguém sabe o que acontece depois dessa data. Na prática, o aplicativo serve para o cliente descobrir quanto custará a corrida e, comparando com o Uber ou ViaBee, por exemplo, escolher o menor preço.

Muito estardalhaço para quase nada.

Vingancinha

Por falar em prefeitura, o prefeito de Manaus, Arthur Neto (PSDB), declarou que vai fazer “uma grande festa” para receber no próximo sábado (12), o presidente da Câmara dos Deputados e candidato a presidente da República, Rodrigo Maia (DEM).

Arthur continua na sua cruzada solitária e quixotesca contra o comando nacional do PSDB, criando um factóide aqui outro ali. Ninguém liga, mas ele acha que sim…

Crime quase esclarecido

A Polícia Civil divulgou que já sabe o autor e o motivo do assassinato do advogado Armando de Oliveira Freitas. O motivo teria sido a disputa por um terreno de Armando Freitas, localizado na Ponta Negra. Só não divulgou o nome do autor, que será revelado depois da prisão.

Detran se mudou

Vale lembrar que a partir desta segunda-feira (7), o Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) atenderá ao público na avenida Mario Ypiranga Monteiro, nº 2.080.

A Via é a mesma, mas fica antes da subida do viaduto, que antes levava ao órgão. É preciso atenção para não subir a rampa. Tudo foi transferido: setores, despachantes, cartórios, Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz) e empresas de cartão de crédito.

Fechamento de agências

O presidente interino dos Correios, Carlos Fortner, disse à Coluna do Estadão que a decisão de fechar centenas de agências está mantida.

“Eu tenho agência que está espalhada a 50 metros uma da outra. Não é cabível numa empresa que quer ser modernizada, que quer se atualizar, que quer estar saudável, ter uma agência a 50 metros uma da outra, gastando com dois imóveis e assim por diante. Eu pedi que, a partir da lista, que ainda está sendo validada, nem sei se serão 500, talvez termine com 400 agências, não sei, vou avaliar uma por uma ainda.”

Joaquim Barbosa conversa com marqueteiros

Joaquim Barbosa já conversou com o marqueteiro de Eduardo Campos, Diego Brandy, e com Maurício Moura, dono de empresa de pesquisas que realizou um levantamento a respeito de suas chances na disputa eleitoral, publica Lauro Jardim no Globo.

Traidor de Lula

A direção do PT interditou qualquer debate interno sobre uma alternativa eleitoral para a disputa de outubro, publica O Globo.

Não há um plano B. A ordem, dada por Gleisi Hoffmann, é insistir que Lula será o candidato do partido ao Planalto.

Qualquer um que cogite uma alternativa ao presidiário ilustre de Curitiba é chamado de “traidor de Lula”.

Dilma se arrepende

Durante o Fórum Brasil-Reino Unido, em Londres, Dilma disse, entre outras batatadas, que se arrependeu de ter assinado a lei da delação premiada:

“Infelizmente, vou começar assim, infelizmente eu assinei a lei que criou a delação premiada, mas foi assinada genericamente, sem tipificação exaustiva e (não) poderia virar arma.”

Ou seja, Dilma nunca soube o que estava fazendo, pra variar…

 

 

Siga a Direto ao Ponto:

Facebook:
 facebook.com/diretoaopontonews1

Instagram: @diretoaopontonews

Twitter: @diretoaoponto1_

 

Fale com a gente:

WhatsApp: 92 984132214                                                                                                                               

E-mail: [email protected]

Deixe um comentário