Arthur, Presidente

Arthur, Presidente

Ao reafirmar em coletiva de imprensa que sua pré-candidatura a presidência da República não é brincadeira, o prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, disparou alguns torpedos contra o governador Geraldo Alckmin:

“É um direito meu.”

“Eu entendo que sou melhor que o Alckmin.”

“Eu entendo mais de Brasil que ele.”

Veneno do Norte

Ao afirmar que os paulistas não são melhores que amazonenses, Arthur lembrou que comandou o PSDB no Congresso por 12 anos, 04 como deputado federal e 08 como Senador, azeitando o discurso local e mexendo com o ego do amazonenses.

“Eu despertei um veneninho bom. Um veneninho do bem aqui no Norte. Se eu pude pleitear, mais tarde com o amadurecimento da vida pública quem sabe as pessoas vão poder chegar lá.”

E encerrou: “Espero estar vivo para ver um presidente da República do Norte, e se Deus quiser aqui do Amazonas.”

Sonhar não custa nada

Quando se fala em política, sabemos que tudo é possível.

Arthur conta com o apoio de políticos e amigos influentes no Rio de Janeiro, um dos maiores colégios eleitorais do Brasil. Além do aval do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, tem “nomes de peso”, não apenas do PSDB, ao seu lado e que farão de tudo para tirar Alckmin da disputa.

Comendo pelas beiradas

Com Alckmin empacado nas pesquisas e com a sua administração envolvida em uma série de escândalos, Arthur aposta no enquanto pior melhor no ninho paulista.

Queda de braço

Todo mundo de olho na sessão de votação da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) nesta quarta-feira (7).

Isso porque, com a votação, vai ficar claro, finalmente, quem é quem em cada lado das bancadas oposicionista e governista.

Informações da Aleam indicam que o placar das bancadas está empatado em 12 a 12, mas alguém vai precisar desempatar as votações…

Oscilante

Na votação do Orçamento Anual do governo para 2018, em dezembro passado, o deputado Ricardo Nicolau fez o fiel da balança pender para o lado governista.

Tesourada

O governador Amazonino Mendes vetou o projeto de lei do seu aliado e vice-governador, Bosco Saraiva, que tornava a banda Blue Birds um Patrimônio Cultural Imaterial do Estado.

A ordem é: saiu da Assembleia, não passa aqui! Só esqueceu que o simpático projeto era do então deputado Bosco Saraiva.

Confronto

Por falar em veto, o incansável deputado Sabá Reis revelou ontem que Amazonino enviou 16 vetos para a Assembleia, ou seja, cancelando 16 novas leis aprovadas pelo Legislativo.

Com cara de poucos amigos, Sabá Reis sentenciou: “com tanta coisa pra se preocupar, o governador fica buscando um confronto desnecessário com a Assembleia”.

Xilindró

O Ministério Público Federal (MPF) oficializou a denúncia contra o ex-governador cassado José Melo e cinco ex-secretários por integrarem organização criminosa, apontada como responsável por promover desvios milionários de verbas federais destinadas à saúde, incluindo ainda a ex-primeira-dama Edilene Gonçalves Gomes.

As penas pedidas vão de três a oito anos de prisão.

Outra questão

Ainda não foi desta vez que a Polícia Federal revelou quem é o proprietário oculto da organização criminosa que desviou milhões da saúde do Amazonas. No organograma da quadrilha apresentada pela PF falta a identificação dessa figura que aparece acima de Mohamad Mustafa.

Xilindró 2

Mais um político na cadeia. O Supremo Tribunal Federal (STF) determinou nesta terça-feira a prisão imediata do deputado federal João Rodrigues (PSD-SC), por fraude e dispensa de licitação, em regime semiaberto.

A pena é de 5 anos e 3 meses de prisão.

O congressista foi condenado em 2009, na segunda instância, pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), em Porto Alegre (RS) – o mesmo que condenou Lula.

Sufoco

Cada vez mais difícil para o Governo Federal conseguir aprovar a reforma da Previdência na Câmara dos Deputados.

A votação será no próximo dia 20, mas a bancada governista ainda não tem os votos necessários.

 

Dizem por aí

É quase certo que o deputado federal Átila Lins assumirá o comando do PTB no Amazonas, hoje sob os domínios da família Castelo Branco. Tudo deve ser concretizado em abril.

Deixe um comentário