Opinião | 21 políticos vão brigar pelas oito vagas de deputado federal em 2022, no Amazonas

Opinião | 21 políticos vão brigar pelas oito vagas de deputado federal em 2022, no Amazonas

Opinião | 21 políticos vão brigar pelas oito vagas de deputado federal em 2022, no Amazonas

Marcelo Ramos e Zé Ricardo podem alçar voos mais altos

Bosco Saraiva não disputará a reeleição

Silas Câmara tem plano B: Sua esposa, Antônia Lúcia

Pesquisadores apostam em renovação de 50% da bancada

Distante no horizonte para muitos brasileiros, a eleição de 2022 já está no radar do jogo político e tende a aquecer ainda mais as negociações este ano.

Anúncios

Até lá, as regras para as próximas eleições (distritão ou federação partidária), que podem ser alteradas pelo Congresso Nacional, e as articulações envolvendo a sucessão para presidente e governo devem mexer com o cenário.

Para o Direto ao Ponto esta será uma das eleições mais disputadas para deputado federal da história do Amazonas.

⭕

Renovação histórica

Em 2018, a Câmara dos Deputados teve 243 deputados novos e uma renovação de 47,3%.

A maior renovação desde a redemocratização, em 1986.

O Amazonas foi um dos estados campeões em caras novas com 75% de renovação em relação aos eleitos em 2014.

Foram reeleitos os deputados Átila Lins e Silas Câmara. Entre os novos estão Bosco Saraiva, Capitão Alberto Neto, Delegado Pablo, Marcelo Ramos, Sidney Leite e Zé Ricardo.

⭕

Tendência

Em 2014, houve uma renovação de 63% (5 de 8) em relação aos eleitos em 2010. Átila Lins, Pauderney e Silas Câmara conseguiram a reeleição.

Em 2010, 2006 e 2002, houveram uma renovação de 38%. Nas três legislaturas cinco parlamentares conseguiram a reeleição.

Seguindo essa tendência histórica no Amazonas, teremos uma alta renovação no quadro federal em 2022. Alguém duvida?!

⭕

Bastidores

Bosco Saraiva não vai ser candidato a reeleição. Ele irá disputar uma vaga para deputado estadual.

Existe a possibilidade de Marcelo Ramos e Zé Ricardo, alçarem voos mais altos. Entrar na disputa para o Senado ou Governo do Amazonas, é uma possibilidade real para ambos.

⭕

Plano B

Silas Câmara pode ficar de fora da disputa, ser cassado e até preso por peculato. Seu julgamento pela prática de rachadinha foi interrompido por um pedido de vista do ministro do STF, Kassio Nunes Marques.

Silas prepara o nome de sua esposa, a ex-deputada pelo Acre, Antônia Lúcia, como plano B.

Semana passada o casal esteve junto em agendas com os senadores Eduardo Braga e Omar Aziz e diversos prefeitos do interior, lideranças e sindicalistas. Aí tem…

⭕

Disputa

Outros nomes podem entrar na disputa. Alguns já são dados como certos.

Os deputados estaduais Fausto Jr, João Luiz, Ricardo Nicolau e Saullo Vianna podem ser candidatos.

Os vereadores Amom Mandel e Marcelo Serafim e o prefeito de Parintins, Bi Garcia, devem entrar na disputa.

Ainda temos os ex-senadores Alfredo Nascimento e Vanessa Grazziotin, os ex-deputados Pauderney Avelino e Arthur Bisneto, o ex-prefeito de Coari, Adail Filho e o empresário e ex-vereador Rozenha.

⭕

Fator David

Quem também pode lançar um candidato a deputado federal é o prefeito de Manaus, David Almeida.

A preferência pode sair de um nome da família.

A máquina municipal tem um peso importante no processo eleitoral e já ajudou a eleger, em outros momentos, Marcelo Serafim (Serafim) e Arthur Bisneto (Arthur Virgílio Neto).

⭕

Renovação de 50%

O Direto ao Ponto conversou com os pesquisadores, Eric Barbosa (Instituto Pontual) e João Alves (Instituto Ipen). Ambos acreditam em uma renovação de 50% da bancada federal e que a polarização da disputa presidencial não irá influenciar o pleito com a mesma intensidade de 2018.

“Sai na frente quem melhor organizar as suas bases eleitorais”, afirmou Eric Barbosa.

“Vai levar vantagem quem tiver maior capital eleitoral no interior do Amazonas”, disse João Alves.

 

 

Siga a Direto ao Ponto:

Facebook: facebook.com/diretoaopontonews1

Instagram: @diretoaopontonews

Twitter: @diretoaoponto1_

Fale com a gente:

WhatsApp: 92 98413-2214

Deixe um comentário