Opinião | 90% dos trabalhadores da Saúde vacinados em Manaus

Opinião | 90% dos trabalhadores da Saúde vacinados em Manaus

Opinião | 90% dos trabalhadores da Saúde vacinados em Manaus

Prefeitura de Manaus inicia vacinação em idosos de 60 a 69 anos

David Almeida quer compra direta das vacinas

Governador Wilson Lima articula compra de 1,2 milhão de vacinas

Secretária de Saúde, Shádia Fraxe, segue internada em São Paulo

Com 57,3 mil trabalhadores da Saúde já vacinados com a primeira dose contra a Covid-19, a Prefeitura de Manaus superou, neste fim de semana, a meta de vacinar 90% desse grupo prioritário da capital.

Anúncios

A população estimada desse público em Manaus é de 63,3 mil pessoas e a meta era vacinar, no mínimo, 56,9 mil.

Grupo prioritário

Inicia hoje (01) a vacinação do grupo de 65 a 69 anos de idade, conforme previsto no Plano Nacional de Vacinação contra a Covid-19.

Durante está semana a vacinação se dará de forma decrescente. Iniciando hoje, com idosos de 69 anos de idade que serão vacinadas com as doses que chegaram no último dia (26).

Ao total as 64.440 mil doses de vacinas CoronaVac e AstraZeneca, vão ser usadas na campanha de Imunização na capital.

Doses

Foram entregues à prefeitura de Manaus, 14.500 doses de CoronaVac/Sinovac, distribuída pelo Instituto Butantan, para vacinar com a primeira e a segunda dose 6.905 pessoas de 60 a 64 anos (10% de população dessa faixa etária) e mais 5% para reserva técnica.

A data para imunização deste grupo, se inicia na semana seguinte que terminar o grupo de 65 a 69 anos, ou seja, na segunda semana de março.

Atendimento

Parte do Atendimento aos novos grupos será agendado de modo eletrônico por meio do Imuniza Manaus (imuniza.manaus.am.gov.br). O sistema foi aberto para cadastramento dessa faixa etária no último dia (22), e vai continuar a receber inscrições.

Vale ressaltar que a inscrição não é obrigatória, mas os cadastrados terão a oportunidade de ir ao posto de vacinação com data e hora marcadas, reduzindo o tempo de espera e do próprio atendimento. E para receber a vacina, precisa levar documento de identidade (original) e CPF.

Compra direta

Falando em vacina, a prefeitura de Manaus pretende comprar os imunizantes contra a Covid-19.

O anúncio foi feito pelo prefeito David Almeida. Ele disse que pretende enviar à Câmara Municipal um projeto pedindo autorização para adquirir as vacinas diretamente dos fabricantes.

A avaliação é de que não há interesse de competição com o Ministério da Saúde e governos estaduais. O objetivo é agregar esforços.

Projeto de Lei

A expectativa é de que na próxima sexta-feira (5), uma minuta da reunião que o prefeito terá hoje (1) com mais de 100 membros da Frente Nacional de Prefeitos (FNP), seja distribuída para os prefeitos que encaminharão o projeto para aprovação da Câmara Municipal.

Prioridade

O Governo do Amazonas intensifica a consulta a laboratórios de vários países sobre a disponibilidade de vacinas contra a Covid-19.

O governador Wilson Lima quer 1,2 milhão de vacinas contra a Covid-19, para a aquisição direta “com a maior brevidade possível”, de forma a atender a parcela da população inserida no grupo prioritário.

Entre os laboratórios consultados estão o Instituto Butantan, em São Paulo, e a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), no Rio de Janeiro.

Segue afastada

Afastada do cargo por 14 dias, a secretária municipal de Saúde (Semsa), Shádia Fraxe, divulgou um comunicado sobre seu estado após diagnóstico de obstrução intestinal com posterior perfuração de alça intestinal e sepse.

Ela informa ainda que permanece sob cuidados médicos, internada em unidade hospitalar em São Paulo para o restabelecimento pós-cirúrgico e que, tão logo esteja recuperada, irá retomar suas atividades na gestão da Saúde municipal.

 

 

Siga a Direto ao Ponto:

Facebook: facebook.com/diretoaopontonews1

Instagram: @diretoaopontonews

Twitter: @diretoaoponto1_

Fale com a gente:

WhatsApp: 92 98413-2214

Deixe um comentário