Opinião | Amazonino, Omar e Braga gastaram R$ 75 milhões em jatinhos

Opinião | Amazonino, Omar e Braga gastaram R$ 75 milhões em jatinhos

Opinião | Amazonino, Omar e Braga gastaram R$ 75 milhões em jatinhos

Falta de oxigênio em São Paulo, Minas Gerais, Santa Catarina, Pará, Roraima e Rondônia

Amazonas vai usar Zonas Eleitorais para vacinar

Um levantamento feito pelo O Poder, com base nos dados divulgados no Portal da Transparência, apontou que foram gastos pelos ex-governadores Amazonino Mendes, Omar Aziz e Eduardo Braga, nos últimos 18 anos em que estiveram à frente do Governo do Amazonas, a quantia de R$ 75.299.455,49 milhões com aluguel de aeronaves e jatinhos para viagens estaduais, interestaduais e até mesmo internacionais.

Anúncios

Repercussão

O assunto ganhou repercussão após os deputados de oposição Delegado Péricles, Dermilson Chagas e Wilker Barreto criticarem os valores pagos pela atual gestão com a locação de aeronaves.

Memória curta

Chamou a atenção o fato de nenhum deles ter criticado, ou se quer citado, os gastos feitos por gestões passadas, quando estiveram à frente do Governo do AM.

Dermilson, mais antigo no parlamento, que já foi líder do governo Amazonino Mendes na Aleam, utilizou de muitas dessas benesses e nunca deu um pio contra gastos de Amazonino, Omar e Braga.

Wilker e Péricles, já era de se esperar, um foi vice de Amazonino na campanha para a prefeitura de Manaus ano passado, o outro foi eleito na coligação de Amazonino pelo PSL em 2018.

Casa militar

Segundo nota da Secretaria Estadual da Casa Militar, as aeronaves foram utilizadas em 2020 e estão sendo utilizadas em 2021 para o transporte de oxigênio medicinal, medicamentos, EPIs, vacinas e traslado de corpos de vítimas da covid-19 que estavam em tratamento em outros estados.

Ainda segundo o governador Wilson Lima esse processo de contratação de aeronave será revisto após a pandemia.

Transparência

Informações como essas são essenciais para a sociedade pressionar políticos eleitos e servidores públicos a ter mais responsabilidade nos gastos públicos.

Esses monitoramentos e levantamentos feitos pela imprensa ou por grupos de transparência são fundamentais para fiscalizar os três poderes (executivo, legislativo e judiciário).

E são a porta de entrada para a discussão política, para questionar o que é feito com os recursos, mas também para discutir as regras da política e o que não é mais aceitável.

Falta de Oxigênio

Assim como aconteceu no Amazonas, outros estados e países começam a sofrer com a falta de oxigênio.

Municípios em São Paulo, Minas Gerais, Santa Catarina, Pará, Roraima e Rondônia já sofrem com a fata de oxigênio nos hospitais.

Países como Inglaterra, Portugal, França, Peru, Bolívia e até os Estados Unidos, também tiveram dificuldades no abastecimento de oxigênio em algumas cidades.

Zonas eleitorais para vacinação

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, confirmou que o Ministério vai usar as escolas e as zonas eleitorais para impulsionar a vacinação no Amazonas.

Nesta fase serão vacinadas as pessoas com mais de 50 anos, devendo atingir a marca de 1 milhão de imunizados no Estado.

Pedido atendido

A ação que visa facilitar o acesso e evitar aglomerações nos postos de saúde foi proposta semana passada pelo deputado Fausto Jr e atendida pelo Governo Federal.

No total, serão utilizadas, com o apoio das forças armadas, 60 zonas eleitorais (13 em Manaus e 47 no interior) para acelerar a imunização no Estado.

Aceleração

Ontem (15), o governador Wilson Lima se reuniu com o general de Exército, Theophilo Gaspar de Oliveira, comandante do Comando Militar da Amazônia (CMA), para discutir o Plano de Aceleração da Vacinação contra a Covid-19, previsto para iniciar no dia 22 de fevereiro, abrangendo a imunização de pessoas acima dos 50 anos de idade no Amazonas.

O CMA vai coordenar o plano estratégico para acelerar a vacinação no Estado conforme o Ministério da Saúde.

Março e Abril

Segundo o ministro Pazuello com a chegada de mais lotes das vacinas da AstraZeneca e do Butantã, entre final de março e começo de abril, será possível conseguir vacinar todos os grupos prioritários do Amazonas.

 

 

Siga a Direto ao Ponto:

Facebook: facebook.com/diretoaopontonews1

Instagram: @diretoaopontonews

Twitter: @diretoaoponto1_

Fale com a gente:

WhatsApp: 92 98413-2214

Deixe um comentário