Opinião | Bolsonaro volta a defender voto impresso ‘para evitar fraudes’

Opinião | Bolsonaro volta a defender voto impresso ‘para evitar fraudes’

Opinião | Bolsonaro volta a defender voto impresso ‘para evitar fraudes’

Ontem (13) o presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido), disse a populares em frente ao Palácio da Alvorada, que prefere o voto impresso. Segundo o chefe do Executivo, a cédula é a forma ideal de evitar fraudes no período eleitoral.

Anúncios

“Eu prefiro papel. O papel não tem como… O papel, acoplado ao eletrônico, é a forma ideal de não ter fraude em eleições”, apontou Bolsonaro.

⭕

Experiência

Ao Direto ao Ponto o deputado federal e candidato à prefeitura de Manaus, José Ricardo (PT) comentou sobre a declaração do presidente e afirmou que a experiência do Brasil com o voto eletrônico, se mostrou muito eficiente, pelo menos até agora, onde não foi demonstrado nenhuma fraude significativa e problemas efetivos no sistema.

“Temos que continuar testando. Devemos continuar com esta experiência, até que venha uma prova mais efetiva de que o sistema é violável e que alguém possa manipular”, disse Zé.

⭕

Lembrou

Zé ainda lembrou que Bolsonaro foi eleito pelo voto eletrônico. “E é bom lembrar que o presidente da república, foi eleito pelo sistema do voto eletrônico. Se ele acha que teve fraudes. É bom ele pedir o cancelamento da eleição, renunciar e ter uma nova eleição”, finalizou Zé.

⭕

Discussão Válida

O vereador e candidato pelo Democracia Cristã, Chico Preto, contou ao Direto ao Ponto que a discussão do voto impresso para esta eleição não tem mais sentido, porém é válida para 2022.

⭕

Priorizar

O candidato aproveitou para focar o tema para Manaus. Segundo ele, o momento é de priorizar o debate nas decisões que precisam ser tomadas pela prefeitura, diante da realidade em que vivemos.

“Transporte coletivo, infraestrutura, saúde e educação, essas são as pautas que cada vez mais devemos discutir para a cidade de Manaus”, concluiu Chico.

⭕

Voto online

Vale ressaltar que ainda nas eleições municipais deste ano, o voto ocorrerá de modo presencial por meio da urna eletrônica.

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) não prevê o retorno da cédula de papel, porém já estuda sobre votação online para as eleições de 2022.

⭕

Ironia

Arthur Neto (PSDB) reagiu com ironia às críticas de Amazonino Mendes (Podemos), candidato a prefeito, que deu declarações dizendo que o Parque Cidade da Criança estava abandonado.

Amazonino afirmou que, se eleito, fará funcionar novamente.

O Parque Cidade da Criança é uma obra da gestão de Amazonino, e Arthur afirmou: “Ele precisa ir lá dentro para reconhecer o quanto melhoramos a obra”.

⭕

Equívoco

Em entrevista hoje ao BNC Amazonas, Arthur chamou Amazonino de “inteligente”, “amigo pessoal”, mas afirmou que ele foi equivocado na declaração.

“O parque está fechado por causa da pandemia. E não está abandonado como disse uma pessoa que eu até estimo muito. Quando é gente assim… não dou a menor bola. Mas como é uma pessoa inteligente como o ex-governador Amazonino, poxa, merece resposta porque é meu amigo pessoal”, afirmou Arthur.

⭕

‘Amazolindo Mendes’

A juíza da Propaganda Eleitoral Mônica Cristina Chaves do Carmo determinou a remoção das páginas denominadas ‘Amazolindo Mendes’ das redes sociais Facebook, Instagram e Twitter. A decisão veio após pedido da Coligação Avante Manaus, que acusa o perfil de propagar notícias falsas contra o candidato a prefeito de Manaus David Almeida.

 

 

Siga a Direto ao Ponto:

Facebook: facebook.com/diretoaopontonews1

Instagram: @diretoaopontonews

Twitter: @diretoaoponto1_

 

Fale com a gente:

WhatsApp: 92 98413-2214

Deixe um comentário