Opinião | CPI da Saúde | Investigações referentes à gestão de David Almeida avançam

Opinião | CPI da Saúde | Investigações referentes à gestão de David Almeida avançam

Opinião | CPI da Saúde | Investigações referentes à gestão de David Almeida avançam

A Comissão Parlamentar Inquérito (CPI) da Saúde avança, nesta quinta-feira (30), nas investigações referentes à oferta de exames médicos durante ação no interior do Amazonas, em 2017 feitas pela empresa Norte Serviços, por meio de processo indenizatório firmado junto ao governo do estado.

⭕

Processo

Em ação, investigada pela CPI, o processo referente à realização de exames de colposcopia/conização apresenta valores com fortes indícios de superfaturamento, além de conter irregularidades e contradições na montagem de notas e relatórios referentes aos quatro dias nos municípios de Envira, Ipixuna e Guajará.

⭕

Oitivas

Para esclarecimentos, a Comissão ouvirá a ex-gerente de compras, Narelda da Silva Barros, às 15h e o ex-secretário adjunto de Atenção Especializada do Interior, Edivaldo da Silva, às 16h30.

Na sexta-feira, serão ouvidos a ex-secretária executiva do Fundo Estadual de Saúde (FÉS), Maria de Belém Martins Cavalcante, às 14h e médico responsável pelos exames, João Carlos dos Santos, às 16h. Tudo transmitido ao vivo pelas redes sociais da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam).

⭕

Sem palanque

Os membros da CPI da Saúde afirmaram, anteriormente, que a Comissão não será palanque de políticos.

A informação, passada ao Direto ao Ponto, é de que as investigações, diligências e oitivas da CPI da Saúde, seguem uma linha de apuração de baixo para cima. Ou seja, primeiro será ouvido o elo mais fraco, quem opera o esquema (funcionários públicos, terceirizados e empresários) para estes apontem os verdadeiros mandantes por trás do mecanismo.

⭕

David Reage

Após ser citado por um membro da CPI da Saúde e ter seu pedido, para prestar depoimento, indeferido, o ex-governador afirmou que a CPI está fazendo um trabalho seletivo com o intuito de prejudica-lo, e questionou: “Porque não investigam o Amazonino?”

⭕

Verdadeiro dono

Ainda sobre a CPI, as investigações apontaram que o verdadeiro dono da Norte Serviços é o empresário Frank Andrey Gomes de Abreu, que teve será convocado para depor e prestar esclarecer e os motivos de ter ocultado sua identidade diante dos diversos contratos que tem com a Susam.

Segundo o deputado Wilker Barreto, Frank tem repassado a empresa para pessoas próximas. Ele comprou a Norte de sua esposa, Nayla Tereza de Moraes da Silva, em outubro de 2019; e depois vendeu para a senhora Criselídea Bezerra, que é sua sogra, em fevereiro de 2020.

“Em 2018, as senhoras Criselídea e Nayla eram sócias da empresa. Assim, ficou claro que Vitor Souto, depoente da última terça-feira (28), não passa de um laranja para esconder os desmandos de Frank! A CPI da Saúde vai revelar essa trajetória nada legal e que fere o uso do dinheiro público.”, afirmou o parlamentar.

⭕

Esperando Aval

A Prefeitura de Manaus informou ao Amazonas Atual, ontem (29), que o retorno das aulas presenciais na rede pública municipal depende da conclusão de um plano que está sendo elaborado por um grupo de trabalho composto por especialistas das áreas de saúde, educação e assistência social.

O grupo de trabalho realiza o monitoramento epidemiológico e organiza os protocolos de segurança para o retorno das atividades com intuito de garantir a segurança de alunos, professores e servidores da Secretaria Municipal de Educação (Semed).

⭕

Reta final

Em junho, o prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, disse que as aulas na rede municipal de ensino deveriam ser retomadas presencialmente apenas em agosto e anunciou uma pesquisa para saber a opinião de professores, pais e alunos sobre o retorno das aulas presenciais na rede municipal de ensino.

⭕

Sem aula

Alunos das 500 escolas municipais estão sem aula desde o dia 17 de março devido a pandemia da Covid-19. Inicialmente, as aulas das escolas públicas foram suspensas até o dia 31 de março como forma de antecipação das férias e atingiu 244 mil estudantes de 498 escolas. Depois, continuaram a ser suspensas devido ao aumento de infectados na capital amazonense.

 

 

 

Siga a Direto ao Ponto:

Facebook: facebook.com/diretoaopontonews1

Instagram: @diretoaopontonews

Twitter: @diretoaoponto1_

 

Fale com a gente:

WhatsApp: 92 98413-2214

 

Deixe um comentário