Opinião | Força-Tarefa do MPE a todo vapor em Coari

Opinião | Força-Tarefa do MPE a todo vapor em Coari

Opinião | Força-Tarefa do MPE a todo vapor em Coari

Essa semana foi encaminhada uma Força-Tarefa com cinco promotores de Justiça ao município de Coari por determinação da chefe do Ministério Público do Estado (MPE-AM), Leda Albuquerque, após a repercussão nacional de denúncias de corrupção contra o prefeito da cidade, Adail Filho, vereadores, secretários e empresários “amigos do rei”.

Anúncios

Os promotores de Justiça darão apoio ao trabalho das promotorias locais na investigação de corrupção no poder público.

Usina de Corrupção

A Procuradora-Geral Leda Albuquerque esteve no município para dar início às investigações da Força-Tarefa, e segundo ela Coari é uma usina de corrupção, improbidade administrativa e desvio de dinheiro público. Ao menos 150 processos extrajudiciais estão sendo investigados.

Escândalo nacional

O município de Coari virou destaque nacional na última semana após o prefeito da cidade, Adail Filho, ser denunciado por crimes de desvio de verba pública, crimes ambientais e corrupção.

Além de tentar subornar o promotor Wesley Macho com R$ 1,5 milhão, ele também é acusado pagar “mensalinho” para os vereadores pactuarem com decisões tomadas por ele na Câmara de Coari.

Os crimes envolvem os amigos do atual prefeito e a própria irmã, a médica, a deputada estadual Mayara Pinheiro.

Nova denúncia

O vereador Ewerton Medeiros, em um discurso na Câmara de Coari, fez um agradecimento um tanto sarcástico ao prefeito, parabenizando-o por estar presente por um final de semana inteiro na cidade já que, segundo denúncias, Adail quase não aparece no município.

Além do sarcasmo, o vereador aproveitou para denunciar os R$ 66 milhões que o prefeito gastou em asfaltou no último mês, mas que segundo ele, “para pagar os fornecedores do município, não tem dinheiro. É muito asfalto. Tomara que as estradas Coari-Itapeua e Coari-Mamiá sejam asfaltadas”, disse o vereador.

Investigações estão sob sigilo

O Direto ao Ponto entrou em contato com a assessoria do MP, que afirmou que os procuradores não podem passar informações sobre suas atividades nessa primeira semana ou sobre as investigações em andamento, porque de acordo com um dos procuradores “Se tratam de pessoas muito perigosas e detalhar a investigação, de como agiremos, pode levar à fuga deles”.

Convênio Ilegal

O convênio 013/2010 firmado pela Secretaria de Estado da Juventude, Esporte e Cidadania (Sejel) com a Associação Liberdade, ligada ao ex-deputado Estadual David Almeida (Avante), foi julgado ilegal pelo Tribunal de Contas do Amazonas (TCE).

Em Resposta

O Direto ao Ponto entrou em contato com a assessoria do ex-deputado David Almeida que informou que a decisão do TCE-AM, que julgou improcedente o termo de convênio, foi tomada no ano passado.

E o que foi publicado no Diário Eletrônico do TCE-AM, se trata apenas da inclusão na dívida ativa de uma multa de R$ 2 mil, que não foi paga pelo ex-titular da Sejel.

“A respeito da acusação feita há nove anos pela Procuradoria Regional Eleitoral no Amazonas, ela já foi resolvida há pelo menos sete anos. O TRE julgou a denúncia improcedente e o TSE também, deste modo a representação foi arquivada por perda de objeto”, disse a assessoria de David Almeida.

Alerta

Um levantamento divulgado essa semana pela Action Pesquisa coloca em estado de alerta o Governo do Amazonas. Essa pesquisa foi feita apenas em Manaus, portanto não se sabe como está a avaliação do governo no interior do Estado. Mas vale lembra que somente em Manaus, Wilson Lima obteve, nas eleições de 2018, 67% de todos os votos destinados a ele (702.863 votos).

Segundo a pesquisa, 39,5% dos entrevistados avaliam o Governo como péssimo e 17,7% acham seu desempenho ruim. A avaliação negativa é de 57,2%. A pesquisa mostra ainda que 69,9% dos entrevistados não confiam na capacidade do governador em solucionar os problemas do Estado.

Eleições 2020

Outra pesquisa divulgada essa semana pela Imarketing aponta que 65,7% dos eleitores ainda não possuem candidato a prefeito para 2020. E aí, você já tem um nome na cabeça?

 

 

Siga a Direto ao Ponto:

Facebook: facebook.com/diretoaopontonews1

Instagram: @diretoaopontonews

Twitter: @diretoaoponto1_

 

Fale com a gente:

WhatsApp: 92 98413-2214

WhatsApp: 92 99382-4598

Deixe um comentário