Você está visualizando atualmente Opinião | Moro visita Bolsonaro: “O homem é forte”

Opinião | Moro visita Bolsonaro: “O homem é forte”

Opinião | Moro visita Bolsonaro: “O homem é forte”

O presidente Jair Bolsonaro segue internado se recuperando da quarta cirurgia após a facada que levou no ano passado. Segundo o boletim médico, ele continua apresentando melhora clínica progressiva.

As visitas estão restritas, mas o ministro da Justiça, Sérgio Moro conseguiu conversar pessoalmente com Bolsonaro no domingo. Ele chegou ao hospital Vila Nova Star, em São Paulo, sem ser visto.

Visita

A visita durou 20 minutos. Moro estava com a esposa. Pouco depois de deixar a unidade médica, o ministro postou uma foto nas redes sociais com o presidente e a primeira-dama.

No post, havia a legenda: “Visita ao sr. Presidente e à Sra. Primeira-dama. Conversa agradável. Presidente recupera-se muito bem. O homem é forte”.

Repost

Em seguida, Bolsonaro compartilhou a mesma foto. Só que a postagem no Twitter foi sem legenda.

Nos últimos meses, a relação de Moro e o presidente passou por altos e baixos. No final de agosto, contrariando o que falava nas eleições, Bolsonaro afirmou que pode vetar qualquer coisa que o ministro fizer. Já este mês, andou abraçado com Moro durante o desfile de 7 de setembro.

CPI da Lava Jato

Um pedido de criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) criada pela deputada Jandira Feghali (PCdoB-RJ), para investigar, com base nas mensagens divulgadas pelo The Intercept, supostas arbitrariedades e ilegalidades cometidas pelos membros da Força-Tarefa da Lava Jato e pelo então juiz Sérgio Moro, hoje ministro da Justiça e Segurança.

Contou com a assinatura de 175 deputados, sendo quatro do Amazonas. Entre eles, Marcelo Ramos (PL), Bosco Saraiva (Solidariedade), José Ricardo (PT) e Sidney Leite (PSD).

Governo é contra

A base do governo é contra a instalação da CPI, que aguarda o aval do presidente da Câmara, Rodrigo Maia, já que das 175 assinaturas necessárias, mais de 200 foram obtidas pela oposição. Governo se movimenta para tentar barrar.

Objetivo é claro

Para alguns deputados, o objetivo da da CPI é claro, anular as condenações da Lava Jato. Inclusive, o Presidente da bancada da bala, Capitão Augusto (PP-SP), vem convocando os deputados aliados ao governo a tirar as assinaturas do pedido de instalação da CPI e disse que já conseguiu reverter sete, das 175 assinaturas necessárias.

Parece piada

Gilmar Mendes disse à Folha que as mensagens roubadas à Lava Jato mostram um “jogo de promiscuidade” da força-tarefa.

Sem citar Sergio Moro nem Deltan Dallagnol, o ministro do STF defendeu que a força-tarefa peça desculpas.

“Simplesmente dizer: nós erramos, fomos de fato crápulas, cometemos crimes. Queríamos combater o crime, mas cometemos erros crassos, graves, violamos o Estado de Direito.”

PCdoB contra

O PCdoB vai pedir a Rodrigo Maia para ter a relatoria da MP que cria a carteira estudantil digital.

Na prática, o novo modelo digital encolhe ainda mais o PCdoB, já que acaba com as principais fontes de financiamento da UNE e da Ubes, que são controladas há anos pelo partido.

Mortes no trânsito caem 48%

A capital amazonense registrou queda no número de vítimas fatais no trânsito. Em agosto deste ano, Manaus teve o menor número de mortes no trânsito para o mês dos últimos 10 anos. A redução é de 48%, na comparação com o mesmo período do ano passado.

Inúmeras operações

O diretor-presidente do Detran-AM, Rodrigo de Sá, disse que números refletem o resultado do trabalho realizado por toda a equipe da instituição. “Isso é resultado, fruto das inúmeras operações que o Detran Amazonas tem feito. As ações educativas também têm um papel fundamental nisso, no que tange a conscientização do condutor, contribuindo para que as pessoas dirijam melhor, para que as pessoas tenham uma consciência maior da responsabilidade de conduzir um veículo automotor e com isso a gente tenha esse resultado positivo com a redução do número de vítimas fatais mês a mês”, afirmou Sá.

 

 

Siga a Direto ao Ponto:

Facebook: facebook.com/diretoaopontonews1

Instagram: @diretoaopontonews

Twitter: @diretoaoponto1_

 

Fale com a gente:

WhatsApp: 92 98413-2214

WhatsApp: 92 99382-4598

Deixe um comentário