Opinião | Roberto Cidade: “Deputados terão liberdade para debater ideias e votar de forma livre, sem interferência”

Opinião | Roberto Cidade: “Deputados terão liberdade para debater ideias e votar de forma livre, sem interferência”

Opinião | Roberto Cidade: “Deputados terão liberdade para debater ideias e votar de forma livre, sem interferência”

Pedido de cassação de Joana Darc será apreciado por novo presidente

Josué Neto deve ser eleito Conselheiro do Tribunal de Contas

Após pressão de deputado, Governo do Amazonas paga abono dos profissionais da educação

Braga movimenta tabuleiro de olho na eleição para o governo

Desembargador suspende diplomação do prefeito eleito de Coari, Adail Filho

Ontem (15), o deputado estadual Roberto Cidade (PV), comemorou a decisão do pleno do tribunal, que confirmou, por unanimidade, a legalidade da eleição da Chapa 1 eleita para presidir a Assembleia Legislativa do Amazonas no próximo biênio, por 16 votos.

Anúncios

O deputado falou sobre a batalha travada e sobre a pressão que colegas sofreram para não votar nele. Roberto ressaltou que a sua presidência vai em busca de coesão e proatividade e será pautada no respeito e na democracia para o fortalecimento do Poder Legislativo.

⭕

Liberdade

O presidente eleito disse que a Casa será a guardiã da liberdade e que os deputados terão liberdade para debater ideias e votar de forma livre, sem interferência externa.

Cidade agradeceu a confiança dos 16 deputados em um post em suas redes sociais, com a mensagem: “Nenhum de nós é tão bom quanto todos nós juntos”, demostrando a união do novo bloco e a independência da casa legislativa, agora com a maioria.

⭕

Ano que vem

O pedido de cassação da deputada Joana Darc, por quebra de decoro, só será apreciado ano que vem pelo novo presidente eleito, Roberto Cidade.

O suplente no caso de cassação de Joana é o ex-deputado Wanderley Dallas (SD).

⭕

Novo Conselheiro

O presidente da Aleam, Josué Neto é o nome mais forte para assumir a vaga do Conselheiro Josué Filho, que irá se aposentar do Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM).

Nos bastidores é dado como certo que a votação seja feita hoje entre os deputados estaduais. Caso eleito, Josué deve assumir o cargo no ano que vem, após o fim do seu mandato na presidência da Aleam.

Em seu lugar assume o segundo suplente, o vice-prefeito eleito de Parintins, Tony Medeiros (PSD).

⭕

Abono confirmado

Após pressão no Governo do Amazonas o abono salarial para todos os profissionais da educação foi confirmado nessa terça (15).

Serão 26,7 mil servidores da Secretária de Estado de Educação que receberão o pagamento de abono do Fundeb.

Os valores que podem chegar a até R$ 12 mil serão repassados no dia 29 de dezembro.

⭕

Indicação

É o primeiro ano que todos os profissionais da educação como os do setor administrativos, merendeiras e diretores serão agraciados.

A indicação foi do deputado estadual Fausto Jr. (MDB).

Vale lembrar, que com a campanha #AbonoJá, Fausto conseguiu o apoio de mais de 6 mil pessoas, através de assinaturas de um abaixo-assinado realizado on-line, pressionando o governo a incluir as outras categorias no abono.

⭕

Assume a liderança

O deputado Fausto Jr. assumiu a liderança do MDB na Assembleia Amazonas no lugar de Alessandra Campelo.

Há muito tempo, Alessandra não seguia as orientações do partido, que faz oposição a Wilson Lima, e perdeu espaço e a confiança no partido.

⭕

De olho no governo

O MDB no Amazonas é comandado pelo Senador Eduardo Braga e já começa a mexer as peças no tabuleiro para as próximas eleições. Outro nome que deve ingressar no MDB é o do deputado Dermilson Chagas, atualmente no PP.

⭕

Cancelado

Ontem (15), o desembargador Marco Antonio Pinto da Costa decidiu suspender a diplomação do prefeito eleito de Coari, Adail Filho (PP) que estava marcada para o próximo dia (17), até a decisão do julgamento em andamento na Corte.

Adail enfrenta no TRE-AM um processo que questiona a legalidade de sua reeleição, considerando a tese de que o núcleo familiar do político chegaria ao terceiro mandato seguido, o que não é permitido pela legislação eleitoral.

 

 

Siga a Direto ao Ponto:

Facebook: facebook.com/diretoaopontonews1

Instagram: @diretoaopontonews

Twitter: @diretoaoponto1_

Fale com a gente:

WhatsApp: 92 98413-2214

Deixe um comentário