Temer deve ser recordista em baixas pré-eleição

Temer deve ser recordista em baixas pré-eleição

A semana começa para o governo Temer com a saída dos ministros Ricardo Barros (Saúde) e Maurício Quintella (Transportes). Os dois serão candidatos nas eleições e deixam suas pastas próximo ao prazo de desincompatibilização, em 7 de abril.

Anúncios

Serão o 3º e 4º ministros a deixar o governo com esse propósito. Ronaldo Nogueira (PTB-RS) e Marcos Pereira (PRB-SP) deixaram suas pastas –Trabalho e Indústria, respectivamente, no fim de 2017 e início de 2018.

Temer pode chegar a 15 baixas pré-eleição, o que seria 1 recorde.

Seus antecessores FHC, Lula e Dilma tiveram no máximo 9 integrantes de saída para disputar eleições.

Deixe um comentário